AppleEmpresasSmartphones

Ainda mais caro?! Barreiras tarifárias de Trump devem aumentar preços do iPhone em US$ 160

As barreiras tributárias de Trump, medidas que foram anunciadas pelo presidente recentemente nos EUA, aqueceram ainda mais a guerra comercial contra a China – que sabemos ser um país muito importante para muitas marcas, incluindo, é claro, a Apple.

Com o aumento das tarifas de bens importados vindos do tigre asiático de 10 para 25% a partir dessa sexta-feira (10), a gigante de Cupertino será, inevitavelmente, afetada.

A notícia fez com que as ações da Apple despencassem em 7% essa semana. De acordo com a analista Katy Huberty da firma Morgan Stanley:

Um imposto de 25% sobre os US $ 267 bilhões restantes de bens exportados da China para os EUA terá ramificações consideráveis em toda a cadeia de fornecimento da Apple.

Analistas acreditam que a Apple poderá absorver as taxas extras em seus produtos, repassando-as para os clientes – o que poderia resultar em um aumento de até US$ 160 (~R$ 632) no preço do iPhone XS.

Apesar de Tim Cook afirmar que os iPhones não são feitos na China – vendo que seus componentes vêm de diversos lugares do mundo –, o governo estadunidense não parece dar a mínima para isso, afinal de contas, eles ainda são montados no país da Xiaomi, doravante, serão suscetíveis às barreiras tarifárias.

Em outras palavras, para nós aqui no Brasil, o que já era proibitivamente caro pode ficar obscenamente dispendioso.

Etiquetas

Fernando Corrêa

Amante da tecnologia, adora ficar atrás da tela editando e criando artigos, amo tocar bateria e toco em uma igreja, adoro jogar futebol e amo animais tanto que tenho 3 gatos em casa e dois cachorros. :)

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Produzir um conteúdo de qualidade requer recursos. A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo. Para continuar navegando, por favor DESABILITE o seu bloqueador de anúncios.